‘Força-Tarefa’ é importante para trabalhar atletas no AM, diz Fabrício Lima

Vereador Fabrício Lima/Foto: Tiago Correa

Vereador Fabrício Lima/Foto: Tiago Correa
Vereador Fabrício Lima/Foto: Tiago Correa

Faltando 752 dias para os Jogos Olímpicos de 2016, no Rio de Janeiro, o vereador Fabrício Silva Lima (SDD) destacou ontem, terça-feira (15), na Câmara Municipal de Manaus (CMM), a importância de iniciar uma “força-tarefa” para que os atletas amazonenses figurem no maior espetáculo esportivo do planeta.

“Temos que aproveitar este legado da Copa do Mundo, que são tantos os estádios, quanto à motivação e confiança do povo, e olhar para o próximo grande evento esportivo que vem aí, que são os Jogos Olímpicos. Precisamos chamar atenção dos nossos governantes sobre os atletas que tem condições de estar no evento e sei que podemos contar com a Comissão de Esporte da Câmara para isso”, afirmou Fabrício, ao destacar alguns atletas da terra cotados para os Jogos.

“Existe atleta precisando baixar quatro segundos para estar de acordo com o índice olímpico, como é caso da nadadora Isabelle Nobre, e não podemos deixar essa promessa regional passar. Acredito fielmente que ela possa ser uma representante nossa, na seleção brasileira, pelos 100 metros livre. Outro nome forte é a judoca Rita de Cássia, que ocupa o segundo lugar no ranking nacional da categoria até 44 quilos, e tem tudo para ser convocada. A Rita, inclusive, participará dos USA Open de Judô e do Pan-Americano, na próxima semana, e poderá acumular ainda mais pontos para o ciclo olímpico”, comentou Lima.

O parlamentar da Solidariedade ainda destacou que a Vila Olímpica de Manaus precisa ser olhada com “carinho”, já que tem chances de ser uma das sedes de apoio dos Jogos de 2016, pois oferece espaço para treinos de natação, judô, tênis de mesa, ginástica, futsal, vôlei e basquete. Entretanto, para tal conquista, é necessário adequar a Vila para que ela possa receber de maneira satisfatória os atletas.

Mirando as Olimpíadas

Outro atleta amazonense que está mirando os Jogos Olímpicos de 2016 é o velocista Sandro Viana.  Em Manaus, após um intercâmbio de quatro meses nos Estados Unidos, Sandro Viana foi recebido por Fabrício Lima na manhã desta terça-feira, na CMM, e afirmou que o sonho de participar das Olimpíadas, pela terceira vez, está mais vivo do que nunca.

“Este ano eu completei 14 anos de carreira e 10 marcando o índice de 20 segundos nos 200 metros. Avaliando este nível, vou trabalhar para participar dos Jogos e para isso preciso baixar de 20seg89 para 20seg50. Sou o atual sétimo lugar dos 200m e vou lutar para ficar entre os três primeiros do ranking e ser convocado. Quero, aos 39 anos, ter mais esta felicidade”, revelou o medalhista de ouro pelos Jogos Pan-Americanos do Rio e Guadalajara (4×100 metros rasos), que disputa em outubro o Troféu Brasil, em São Paulo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui