Genro do dono do Hospital Santa Júlia é executado em cafeteria

Foto: Divulgação

MANAUS – AM | O empresário e sargento do Exército Brasileiro, Lucas Ramos Silva Guimaraes, 39 anos, foi violentamente assassinado com disparos de arma de fogo na região da cabeça. O crime aconteceu na noite de quarta-feira, (1), em uma cafeteria que fica na Avenida Ayrão, bairro Praça 14 de Janeiro, Boulevard Álvaro Maia, zona Sul de Manaus.

Lucas que era genro de Edson Sarkis, proprietário do Hospital Santa Júlia, que fica ao lado do local onde ocorreu o crime brutal. A vítima estava em seu estabelecimento quando um homem chegou no local e pediu uma xícara de café, ao se virar para atender o falso cliente, acabou sendo atingido com disparos na cabeça.

Lucas ainda chegou a ser socorrido para o Hospital Santa Júlia, onde já deu entrada sem vida. O assassino que deixou a motocicleta utilizada para o crime ligada, fugiu e até o momento não foi identificado. Um flanelinha do local que não quis ser identificada, informou que Lucas era bastante agressivo e chegou em dois momentos a brigar com um sargento da PM, que deixou o carro em frete de sua cafeteria, e em outro caso, chegou a puxar uma outra pessoa pela camisa por se negar a retirar o carro de frente de sua loja. A polícia deve investigar o caso.

Texto: Correio da Amazônia

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui