Seca do rio impede Benjamin Constant e Atalaia do Norte de receber mercadorias

Foto: Divulgação

A seca do rio Solimões está com efeitos fortes no interior do Amazonas. Em Benjamin Constant e Atalaia do Norte, no alto Solimões, por exemplo, não estão recebendo mercadorias que chegam nos barcos.

As embarcações estão encalhando nos bancos de areia, fenômeno comum quando o nível das águas está mais baixo. A Marinha do Brasil já alertou sobre a necessidade de os barcos maiores transferirem as mercadorias para os menores para que os produtos possam ser entregues.

Com as embarcações encalhadas, os preços dos produtos têm aumentado. Isso acontece porque os lojistas precisam fretar outras embarcações menores para buscar os produtos em Tabatinga.

A população de Benjamin Constant já sofre com a falta de água mineral. Em Atalaia do Norte o preço do garrafão já aumentou.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui