Líder de torcida organizada morre pisoteado por cavalos da PM

Presidente da torcida Fúria Independente, Mauro Machado Urbim — Foto: Divulgação/Torcida Fúria Independente

Mauro Machado Urbim, líder de uma torcida organizada do Paraná Clube, morreu após ser pisoteado por cavalos da Polícia Militar. O caso aconteceu no intervalo do jogo entre o clube da capital e o FC Cascavel, no domingol.

A informação da morte cerebral, cujo quadro é irreversível, foi confirmada na noite de ontem segunda-feira pelo delegado Luiz Carlos de Oliveira, da Demafe.

Por meio das redes sociais, o Paraná Clube lamentou o ocorrido com o líder de um de suas principais torcidas organizadas. Mauro Machado Urbim também era conselheiro do time tricolor.

“A família paranista está de luto. Com muito pesar, comunicamos o falecimento do conselheiro e presidente da torcida organizada Fúria Independente, Mauro Machado Urbim, que acabou sofrendo um acidente no último sábado em uma ação da Polícia Militar ainda durante a partida contra o FC Cascavel, do lado de fora da Vila Capanema”, iniciou o clube em sua manifestação.

“Uma perda irreparável para a torcida tricolor e para todos que o conheciam. Mauro, ou simplesmente Maurinho, como era conhecido, sempre desempenhou com muito afinco suas funções em prol do Paraná Clube. Seja no Conselho Deliberativo ou como presidente da nossa torcida organizada Fúria Independente”, continua.

No jogo com o FC Cascavel, o Paraná Clube conquistou a classificação após duplo empate sem gols e consequente disputa de pênaltis. Felipe, ex-goleiro do Corinthians e do Flamengo, foi decisivo para o acesso do time tricolor. Na próxima fase, o Paraná mede forças com o mineiro Pouso Alegre.

Istoé

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui