Maués sedia cursos sobre cultivo de tambaqui e produção de frango caipira

Cultivo de tambaqui/Foto: Arquivo

Dois cursos promovidos pela Embrapa Amazônia Ocidental e Prefeitura de Maués nesta semana vão capacitar técnicos da extensão rural e produtores rurais do município em importantes áreas: cultivo de tambaqui e produção de frangos caipiras. Ambas as atividades acontecem no Auditório do Campo Experimental da Embrapa Amazônia Ocidental em Maués.
Amanhã, dia 26, terça-feira, acontece o curso Produção de Frango Caipira: Genética, Técnicas de Manejo e Avaliação Econômica. O evento tem como objetivo orientar os participantes sobre noções básicas para a produção de frango caipira, para que possam conhecer a importância do investimento em avicultura como oportunidade de crescimento econômico e social.

Na quarta-feira (27), acontece o curso intitulado Cultivo de Tambaqui. A capacitação visa orientar os participantes sobre noções básicas para o cultivo de tambaqui, e vai abordar temas como escolha da área para implantação da atividade, construção de viveiros, alevinos, recria e engorda, qualidade da água, sistemas de produção, entre outros.

São instrutores do curso os pesquisadores da Embrapa Amazônia Ocidental, Antônio Cláudio Uchoa Izel e Roger Crescêncio. Eles também coordenam as atividades juntamente com o supervisor do Campo Experimental da Embrapa Amazônia Ocidental em Maués, José de Ribamar Cavalcante Ribeiro.

As atividades contam com apoio da Secretaria de Estado da Produção Rural (Sepror) e Instituto de Desenvolvimento Agropecuário e Florestal Sustentável do Amazonas (Idam – Escritório Local de Maués).

Programação Curso Produção de Frango Caipira – 26 de maio

08h00 – Abertura

8h10 – Linhagens geneticamente melhoradas, instalações, construções, equipamentos e desinfecção de instalações;

12h – Intervalo;

13h – Manejo de criação, recepção de pintos, manejo sanitário, manejo nutricional, avaliação zootécnica e econômica da criação e avaliação;

17h – Encerramento.

Programação Curso Cultivo de Tambaqui – 27 de maio

8h – Abertura;

8h10 – Escolha da área para implantação da atividade, construção de viveiros, alevinos, transporte e recepção de alevinos, equipamentos e apetrechos;

12h – Intervalo;

13h – Recria e engorda, manejo alimentar e nutrição, qualidade de água, sistemas de produção, despesca e avaliação;

17h – Encerramento

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui