O PSOL funde ao PMN para indicar candidato ao Senado

Abel e Chico se juntam para senado e governo

Abel e Chico se juntam para senado e governo
Abel e Chico se juntam para senado e governo

Na findar do prazo para as composições de chapas majoritárias com vistas às eleições para o governo do Amazonas, começam a surgir algumas fusões com resultados surpresas e de cunho ideológicos divergentes.
A mais recente, está prevista para o apagar das luzes, às 19h, dia 30 de junho, no Hotel Da Vinci, quando o até então candidatíssimo deputado Chico Preto (PMN), deve anunciar a sua desistência de concorrer ao Governo do Amazonas para sair candidato ao Senado na chapa do desembargador anistiado Abel Alves (Psol).
Para analistas políticos de bastidores, essa fusão é na verdade, uma arrumação de última hora. Ou seja, é um cruzamento de galinha d’água com porco espinho, que no frigir dos ovos, deve nascer uma escova de palha de aço própria para lixar as ideias hostis da base dos dois partidos, que a essa altura, não está entendendo mais nada.
Com a nova proposta de coligação, o PMN leva candidatos a deputado estadual, federal e o Chico Preto como candidato ao Senado, enquanto o Psol continua com Abel na cabeça da chapa. Ao mesmo tempo, o deputado Chico Preto tem sido visto conversando com o senador Eduardo Braga, até cogitou a ideia de compor a chapa majoritária do PMDB, na condição de candidato ao Senado.
Resta saber agora, para que lado o PMN vai pender, quando a campanha política entrar no rádio, jornais e Televisão.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui