Pai dos goleiros Alisson e Muriel é encontrado morto após mergulhar em barragem

Muriel, o filho, José Agostinho e Alisson em foto publicada nas redes sociais — Foto: Reprodução/Instagram @murielgbecker

José Agostinho Becker, pai dos goleiros Alisson, do Liverpool, e Muriel, do Fluminense, foi encontrado morto, na noite de quarta-feira (24), após mergulhar em uma barragem, na propriedade da família, no município de Lavras do Sul, que fica a 320 km de Porto Alegre.

José Agostinho desapareceu por volta das 17h, quando tomava banho no açude. O corpo dele foi encontrado por volta das 23h, por amigos e funcionários da propriedade, que usaram um barco para procurá-lo.

Agentes do Corpo de Bombeiros chegaram a ir até o local, mas informaram que buscas com mergulhadores só poderiam ser realizadas à luz do dia.

José Agostinho tinha 57 anos, era goleiro amador e inspirou os filhos Muriel, de 34 anos, e Alisson, 28, a escolherem a profissão.

Os dois começaram a carreira no clube do coração da família, o Internacional, em Porto Alegre.

Goleiro do Liverpool, time da Inglaterra, Alisson também costuma ser convocado para a Seleção Brasileira. Em 2019, foi eleito pela Fifa o melhor goleiro do mundo.

Tanto o Inter quanto o presidente do clube, Alessandro Barcellos, manifestaram pesar pela morte de José pelas redes sociais.

O Fluminense, onde Muriel joga atualmente, também prestou condolências.

A reportagem ainda não obteve informações sobre o velório e o enterro do pai dos goleiros. Segundo a Polícia Civil de Lavras do Sul, o corpo vai ser encaminhado para necropsia em Bagé, cidade vizinha.

G1

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui