PCE promove encontro pedagógico para coordenadores regionais, em Manaus

Encontro pedagógico do PCE/Foto: Divulgação

Encontro pedagógico do PCE/Foto: Divulgação
Encontro pedagógico do PCE/Foto: Divulgação

Coordenadores regionais das microrregiões do Amazonas, participam do encontro pedagógico entre os dias 17 e 19 de março. De norte a sul do Amazonas, os representantes terão a oportunidade de se relacionar e trocar experiências.

O encontro promove o compartilhamento de experiências e formação dos Coordenadores Regionais do PCE, proporcionando uma reflexão individual e coletiva sobre as novas formas de produzir, armazenar, distribuir e mediar o processo de alfabetização científica nas escolas públicas do estado do Amazonas.

O encontro será realizado nas dependências do Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia (Inpa) e da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Amazonas (Fapeam).

De acordo com a organizadora do evento, Eduardo Cristina, Coordenadora Pedagógica do Curso de Metodologia Científica Aplicada a Educação Básica (CMCAEB), o encontro visa não somente a troca de experiências, mas também a compreensão do processo de gestão, administração e inter-relação das atividades do PCE. “Esse encontro servirá não somente para a troca de experiências dos professores, mas também para os Subcoordenadores compreenderem o processo de gestão do PCE, de administração na Fapeam, e para também, posteriormente, o Coordenador Regional de cada microrregião ter a capacidade de elaborar seu plano de ação de acordo com as estratégias do curso e acompanhamento dentro de cada município”, explica à coordenadora.

Nem mesmo a dificuldade de transporte para chegada dos subcoordenadores até Manaus desanima a participação no evento. Para a assessora do Acompanhamento Técnico Científico Motivacional (ATCM), Lívia Lima, o deslocamento é a maior dificuldade, porém não é impedimento. “A maior dificuldade para os municípios distantes é o deslocamento. Os coordenadores estão na expectativa para realização do encontro, durante o período da sensibilização e articulação pude perceber o interesse de todos, considerando o evento positivo para a capacitação de cada um.  O fato do deslocamento não foi visto com empecilho”, ressalta Lívia.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui