Projeto do Governo do AM tem avaliação positiva para o desenvolvimento do agronegócio

Foto: Divulgação

O projeto arquitetônico de concepção do Distrito Bioagroindustrial de Rio Preto da Eva (a 72 quilômetros de Manaus), que está sendo implantado pelo Governo do Estado, foi destaque na pauta da 1ª Reunião de 2020 do Comitê de Apoio ao Desenvolvimento do Agronegócio no Amazonas (Cadaam), coordenada pela Federação das Indústrias do Estado do Amazonas (Fieam), realizada na tarde desta segunda-feira (17), na sede da Federação, no Centro de Manaus.

O projeto recebeu total apoio do Cadaam para que seja concebido como mais uma alternativa de desenvolvimento econômico tanto para Rio Preto da Eva, quanto para os municípios da Região Metropolitana de Manaus (RMM).

O presidente da Federação da Agricultura e Pecuária do Amazonas (Faea), Muni Lourenço, enfatizou a importância do projeto para a região. “O Projeto do Distrito Bioagroindustrial, liderado pelo Governo do Estado e Suframa, é extremamente relevante e bem-vindo para o nosso setor produtivo agropecuário. Esse projeto representa interiorização e diversificação da economia amazonense”, disse.

Finalizando a reunião, o gerente de Cadastro, Análise e Contratação da Agência de Fomento do Estado do Amazonas (Afeam), Otniel Tavares, apresentou as linhas de crédito do Estado para investidores do setor primário. ”A operacionalização da aplicação de créditos no interior do Estado é um grande desafio para a Afeam, que envolve a logística, a infraestrutura e legislação ambiental”, enfatizou.

O calendário das Ações Itinerantes da Afeam no interior pode ser consultado no site www. afeam.am.gov.br.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui