Roberto Cidade agradece pelo apoio e carinho recebidos durante a campanha eleitoral

Foto: Divulgação

Candidato à reeleição à Assembleia Legislativa do Estado do Amazonas (Aleam), Roberto Cidade (UB), comemora a receptividade da população às suas propostas e agradece pelo apoio que recebeu durante todo o processo eleitoral. Parlamentar de primeiro mandato, Cidade esteve na maioria dos municípios do Estado, realizando atividades de campanha nas zonas rurais e urbanas das cidades, além de ter percorrido quase a totalidade dos bairros da capital.

“O Amazonas tem dimensões continentais, de difícil logística, mesmo assim conseguimos levar nossas propostas aos quatro cantos do Estado. Fazer política no Amazonas é um desafio pelas distâncias, porém fomos acolhidos e nossa mensagem foi propagada. Espero que nosso nome seja aprovado, mais uma vez, nas urnas para que o nosso mandato continue sendo instrumento de mudança e oportunidade para o cidadão amazonense. Agradeço por cada uma e cada um que estiveram nas nossas reuniões, caminhadas e comícios por todo o Estado. Faço a política do bem e meu coração é só gratidão por tudo que já realizamos. Que Deus nos abençoe!”, afirmou.

Durante a campanha, o deputado estadual apresentou propostas nas áreas de saúde, educação, meio ambiente, inovação, empreendedorismo, meio ambiente, proteção à mulher, ao idoso, à criança e ao adolescente.

Foto: Divulgação

Atuação parlamentar

Nas atividades de campanha, Cidade fez também a prestação de contas de sua atuação. Nos últimos três anos e nove meses, Roberto Cidade apresentou 263 projetos de lei (PLs), teve 107 leis sancionadas, fez o repasse de R$ 28 milhões por meio de emendas parlamentares, entre 2020 e 2022, para serem aplicadas nas áreas de saúde, educação, infraestrutura e fomento à produção rural.

Atual presidente da Aleam, Cidade comandou algumas das principais votações do parlamento estadual, tais como as que destinaram R$ 160 milhões do Fundo de Fomento ao Turismo, Infraestrutura, Serviços e Interiorização do Desenvolvimento do Amazonas (FTI) para os municípios combaterem a Covid; a aprovação da nova Lei do Gás; a aprovação dos auxílios emergenciais para profissionais da cultura, turismo e esporte; do estado de calamidade pública para vários municípios em razão da cheia histórica dos rios e da pandemia.

E ainda a aprovação do programa Auxílio Estadual Permanente; a regulamentação do transporte hidroviário no estado; a alteração das regras para ingresso na Polícia Militar do Amazonas; a aprovação da CNH Social; a implantação da CPI da Energia; o reajuste salarial para servidores de diversas secretarias e órgãos estaduais; o empréstimo para que o Governo pudesse conveniar com as prefeituras para a realização de obras de asfaltamento; a redução do ICMS dos combustíveis, entre outros.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui