Sejusc e FPS entregam televisores e aparelhos de DVD’s para unidades socioeducativas

Foto: Divulgação

Com o objetivo de incrementar o processo pedagógico e as atividades de lazer aplicadas aos adolescentes atendidos pelo sistema socioeducativo do Amazonas, a Secretaria de Estado de Justiça, Direitos Humanos e Cidadania (Sejusc) e o Fundo de Promoção Social e Erradicação da Pobreza (FPS) entregaram sete televisores de 32 polegadas e seis aparelhos de DVD para serem instalados nas unidades socioeducativas coordenadas pelo Estado.

“Esses equipamentos são oriundos de uma parceria com o FPS que disponibilizou R$ 10 mil reais de um processo licitatório para aquisição desses aparelhos que serão ferramentas educacionais”, disse a titular da Sejusc, Graça Prola.

Durante a cerimônia de entrega dos equipamentos que ocorreu na sede da Gerência de Atendimento Socioeducativo (Gease), à avenida Desembargador João Machado, bairro Alvorada I, zona Oeste, a presidente de honra do FPS, Socorro Siqueira, representou o Governador David Almeida.

“Esses equipamentos são um apoio importante para desenvolver o trabalho com jovens em cumprimento de medidas socioeducativas, principalmente no que diz respeito às ações pedagógicas. Desejamos que sejam instrumentos efetivos de promoção de educação e lazer e, um estímulo a mais nessa trilha que vocês vem fazendo para construir novos caminhos na vida de vocês”, disse Socorro Siqueira.

Foto: Divulgação

A juíza Rebeca de Mendonça Lima, titular do Juizado da Infância e da Juventude Cível da Comarca de Manaus, ressaltou a importância da iniciativa no processo. “Considero importante cada passo, cada gesto em prol do processo socioeducativo desses meninos e meninas. É uma maneira a mais de estimular a mudança de vida deles. Estamos sempre olhando para esse público para atender suas necessidades para mudanças positivas”, disse.

O presidente do Conselho Estadual de Defesa dos Direitos da Pessoa Humana, Glen Wilde, ressalta o papel da Sejusc junto aos adolescentes infratores. “Estamos acompanhando as ações da Sejusc no que diz respeito a proteção e a garantia dos direitos da Criança e do Adolescente e o socioeducativo é um processo que exige muita atenção dos gestores. Com esse investimento será possível fortalecer as atividades”, explicou.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui