Amazonas Cidades Negócios

Sindespecial para os transportes irregulares da Mineração Taboca

O presidente do Sindespecial William Enock fazendo a fiscalização nas empresas junto com a sua diretoria - foto: divulgação
Redação
Escrito por Redação

A empresa de transporte Especial, VDA da Amazônia (Vale da Amazônia), que faz o transporte de trabalhadores para a Mineração Taboca, em Presidente Figueiredo, foi paralisada nessa segunda feira (21) pelo Sindicato dos Transportes Especial (Sindespecial), por atrasos no pagamento e irregularidades com as obrigações sociais da categoria.

De acordo com o presidente do Sindespecial William Enock, a VDA da Amazônia está em falta com o trabalhador desde o ano passado. A empresa não pagou a Cesta Natalina/2018, o salário está incompatível com a Convenção Coletiva conquistada pelo sindicato, a carga horária está incompatível com o praticado por outras empresas, o reajuste dado em 2018 é a metade do que foi convencionado pelo Sindicato.

A empresa é de fora do Estado e, quer usar a convecção coletiva de seu estado de origem, descumprindo a Convenção Coletiva do Sindepecial feita para atender as necessidades do trabalhador do Amazonas.

O presidente do Sindespecial William Enock fazendo a fiscalização nas empresas junto com a sua diretoria – foto: divulgação

Conforme disse o presidente William Enock o Sindicato expediu inúmeros avisos à Mineradora Taboca e à empresa VDA sobre a necessidade delas se regularizarem par continuar transportando os trabalhadores, mas não obteve resultado. “Essa empresa não respeita ninguém”, lamentou.

Outras empresas

Empresas como a Jaçanã, Amore e outras do ramo, estão pedindo prazo para resolver o problema dos atrasos de pagamentos dos benefícios e, não serão paralisadas pelo Sindicato até resolverem a questão, mas desde que cumpram o prazo dado pelo Sindicato para resolver.

A empresa Jaçanã informou que esse mês vai resolver o pagamento das horas extras do trabalhador e a cesta básica dos lavadores e outras. “Se não cumprir o Sindicato para essas empresas também”, avisa Enock

Da mesma forma, Enock avisa que o Sindespecial vai parar algumas fábricas do Distrito Industrial por causa das irregularidades na contratação de empresas irregulares. “Algumas fábricas do DI são coniventes com o transporte irregular de seus trabalhadores.

As empresas Piratas. Algumas delas sendo um verdadeiro ninho de piratas, por causa do baixo custo dos serviços, mesmo sendo altamente precários”, informa.

Comentários

comentários

Deixe seu comentário

error: Ops! não foi dessa vez.