Unidades de Saúde não garantem atendimento para moradores de Iranduba

Foto: Reprodução

Em plena pandemia de covid-19, as unidades de Saúde instaladas em Iranduba (a 35 quilômetros de Manaus) não garantem atendimento adequado aos moradores. A população não tem acesso a remédios e nem sempre consegue atendimento médico básico quando precisa. Dessa maneira, os moradores precisam se deslocar a Manaus para serem atendidos.

Recentemente, o município firmou contratos acima de R$ 5 milhões com cinco empresas para ter medicamentos de controle especial e atenção básica. Mesmo assim, a população nunca encontra remédios nas unidades de saúde.

Uma das empresas contratadas é a W. N. Comércio Importação e Representações Ltda, que vai receber R$ 320,2 mil da Prefeitura de Iranduba. Já a Decares Ltda ficará com R$ 295,1 mil. Para a Norte Green Comércio de Produtos Farmacêuticos e Hospitalares será pago o valor de R$ 135 mil. A empresa EC Alves Comércio de Medicamentos e Representação Eireli receberá mais de R$ 3,4 milhões e a Vinorte Comércio de Produtos Hospitalares Ltda ficará com pouco mais de R$ 1 milhão.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui