As vias para se ter 02 grupos empresariais mandando no Amazonas…

Será que os grupos se uniram para dominar o Estado...?

Será que os grupos se uniram para dominar o Estado...?
Será que os grupos se uniram para tentar dominar o Estado…?

Entre os muitos engendramentos políticos no Estado, pensados nos últimos dias, um deles faz referência à próxima disputa eleitoral, municipal. Vejamos: de um lado temos o grupo de Eduardo, que se dividiu em dois. Do outro, o grupo que ascende à condição de liderança política no Amazonas.
Desalinhavando o processo, recentemente, Eduardo era governador, Omar Aziz vice-Governador e José Melo secretario de Estado. Até ai tudo bem, sem muita novidade. Ai, Eduardo resolve sair candidato ao Senado, Omar assumiu o governo. Sentado na cadeira, Omar despejou uma saraivada de notas na imprensa dizendo que Eduardo tinha deixado um paneiro de dividas para ele pagar.

Desse momento em diante, o grupo político liderado por Eduardo começou a se rebelar, tanto assim, que Omar ao se eleger governador passou a não aceitar a ingerência de Eduardo no governo. Segundo os bisbilhoteiros de plantão, Eduardo queria mandar no governo mais que Omar. Ai o racha foi inevitável.

Isolado, Eduardo já não contava com seu fiel escudeiro José Melo, que viu a oportunidade de realizar o seu sonho, assumir o governo e sair com a faca nos dentes para a reeleição.

Isolado no poder, sem grupo político, Eduardo foi buscar a reconciliação com a família Garcia, depois de ter descartado e desacatado Rebeca Garcia, quando ela era candidata a candidata a Prefeita de Manaus, em 2012. Esse assunto não foi bem explicado até hoje.
Se por acaso a coligação de Braga e Garcia vencer as eleições, tem um acordo com Eduardo, que garante Rebecca Garcia como candidata a prefeita de Manaus, em 2016.

Ai é que mora o perigo: se Rebecca for eleita prefeita de Manaus, em 2016, teremos dois grupos empresariais mandando no Estado. No governo o grupo empresarial Braga e na Prefeitura o Grupo empresarial Garcia.
Estou viajando na Maionese, ou minha analise tem algum sentido?(Paulo Onofre)

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui