Câmara registra 735 servidores infectados e 23 mortos por Covid-19

Foto: Reprodução

A Câmara dos Deputados registrou ao menos 735 pessoas infectadas por Covid-19 – entre servidores e deputados federais – e 23 servidores mortos em decorrência da doença, entre março de 2020 e março deste ano.

Dentre eles, 10 morreram em 2020 e 13, neste ano. O mês de janeiro de 2021 foi o mais letal entre os servidores da Casa, com oito vítimas da doença causada pelo novo coronavírus.

Os dados obtidos pelo Metrópoles, via Lei de Acesso à Informação (LAI), mostram que, até 11 de março deste ano, foram infectados 104 deputados e 631 funcionários.

Contudo, levantamento do Metrópoles identificou que, até a sexta-feira (23/4), ao menos 156 dos 513 deputados federais já testaram positivo para a Covid-19. A diferença de dados ocorre porque nem todo parlamentar informa à Câmara a contaminação.

O deputado federal Schiavinato (PP-PR), de 66 anos, morreu em 13 de abril deste ano. Ele foi o primeiro parlamentar da Câmara no exercício do mandato a falecer em decorrência do novo vírus.

A deputada federal Maria Rosas (Republicanos-SP), de 55 anos, foi intubada, nessa sexta-feira (23/4), no Hospital Moriah, em São Paulo. O procedimento ocorreu um dia depois de a parlamentar anunciar que testou positivo para a Covid-19 e que sentia sintomas leves.

Fonte: Metrópoles

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui