Cinco partidos pedem impeachment de Bolsonaro por crise de saúde em Manaus

Foto: Reprodução

Motivados pela crise sanitária em Manaus, os partidos Rede, PSB, PT, PC do B e PDT pediram o impeachment do presidente do Brasil, Jair Bolsonaro. Para as siglas, o presidente estaria “praticando crimes de responsabilidade em série no Amazonas e com milhares de famílias brasileiras.

Em documento, os partidos afirmam que o presidente da República deve ser política e criminalmente responsabilizado por deixar sem oxigênio o Amazonas, por sabotar pesquisas e campanhas de vacinação, por desincentivar o uso de máscaras e incentivar o uso de medicamentos ineficazes, por difundir desinformação, além de violar o pacto constitucional entre União, Estados e Municípios, diz o documento. “O Brasil está morrendo sufocado por este Presidente. Basta! Já passou da hora de o Congresso Nacional, representando a nação, reagir”, diz a nota.

Os partidos pedem, ainda, a retomada do trabalho legislativo para discutir medidas que possam colaborar e sanar a crise no Amazonas e no país. O retorno do recesso parlamentar está marcado para 1º de fevereiro.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui