Conselho Tutelar de Coari será estruturado

Foto: Reprodução

A Zona 1 do Conselho Tutelar de Coari (a 368 quilômetros de Manaus) será estruturado após Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) entre a prefeitura e o Ministério Público do Amazonas (MPAM). O acordo prevê, também, a qualificação dos conselheiros tutelares e a melhoria da infraestrutura da sede do órgão.

O TAC é resultado de Inquérito Civil instaurado no último dia 7, para apurar a omissão da Prefeitura de Coari em proporcionar uma sede adequada ao funcionamento do Conselho Tutelar – Zona I, em realizar manutenções no automóvel oficial e garantir material de expediente ao órgão. A medida levou em conta a informação de que os Conselheiros Tutelares tentaram por diversas vezes, marcar reunião com o ex-prefeito Adail José Figueiredo Pinheiro e com a prefeita interina Maria Dulcirene da Cruz Menezes, mas não obtiveram êxito.

Conforme relato dos conselheiros tutelares, o pagamento da energia elétrica do prédio onde funcionava o órgão estava atrasado há um ano, bem como o pagamento do aluguel do prédio, o que resultou em despejo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui