David ou Amazonino? O PT ainda não sabe com quem vai compor

Sindicalista Valdemir Santana e os deputados Sinésio Campos as duas principais lideranças do PT no Estado - foto: divulgação

O Partido dos Trabalhadores (PT) já conversou com o PSB e com o PDT, mas ainda não se decidiu com quem deve compor nessas eleições 2018. Ou seja, está em vias de saber se vai sair abraçado com David Almeida (PSB) ou com Amazonino Mendes (PDT), em uma maratona de conversas e reuniões.

A decisão deve sair no Encontro Estadual de Definição de Tática Eleitoral que acontecerá no dia 10 de junho, em Manaus, com a participação de 300 delegados e dirigentes do partido.

Sindicalista Valdemir Santana e os deputados Sinésio Campos as duas principais lideranças do PT no Estado – foto: divulgação

Provavelmente, quem decidirá em qual plataforma o PT vai embarcar, serão os dois líderes do partido, Valdemir Santana (RUL) e Sinésio Campos (Movimento). Os dois, juntos, tem mais de 150 delegados dos 300 existentes no Encontro.

O PT tem outras forças internas, lideradas pelo deputado José Ricardo, José Barroncas, João Pedro e até com a contribuição do pré-candidato ao senado, Francisco Praciano, mas quem decidirá para que lado ir, são as duas maiores forças do partido na atualidade, RUL e Movimento, do sindicalista Valdemir Santana e do deputado estadual Sinésio Campos, respectivamente.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui