Feiras da ADS retornam adaptadas ao combate à Covid-19

Foto: Reprodução

Nesta terça-feira (30), as Feiras de Produtos Regionais da Agência de Desenvolvimento Sustentável do Amazonas (ADS), do Governo do Amazonas, retomam as atividades.

Os locais estão totalmente adaptados para receber o público dentro das normas de segurança e higiene estabelecidas pelo Ministério da Saúde para prevenção e combate à Covid-19.

A reabertura acontece no estacionamento do Manaus Plaza Shopping, na avenida Djalma Batista, zona centro-sul, às 15h. O retorno faz parte do terceiro ciclo do plano de reabertura gradual do comércio e atividades não essenciais de Manaus, instituído pelo Decreto nº 42.330, de 28 de maio de 2020, iniciado nessa segunda-feira (29).

Todas as normas de segurança estabelecidas para o combate à Covid-19 estarão em vigor durante o período de funcionamento da feira, incluindo a fiscalização do distanciamento social para evitar aglomerações, obrigatoriedade do uso de máscara de proteção, aferição de temperatura corporal e a higienização do calçado do público.

Durante as compras, não será permitido degustar e nem tocar nos produtos; todo o manuseio dos alimentos será feito com o apoio do feirante.

Os cuidados também foram estendidos aos comerciantes, pois a presença de feirantes que fazem parte do grupo de risco do Covid-19, como idosos, crianças e pessoas que possuam alguma doença crônica ou respiratória, não será permitida como medida de segurança.

A boa notícia para quem curte o lanche regional que acontece na feira é que a venda dos produtos regionais continua, porém com opção única de venda para viagem. O consumo no local foi suspenso com o objetivo de evitar a contaminação dos alimentos.

De acordo com o presidente da ADS, Sérgio Litaiff Filho, essa será uma nova fase de trabalhos. Além dos cuidados para assegurar a saúde de feirantes e clientes, as feiras também contarão com novas estruturas de bancas e uma ampla sinalização com orientações para facilitar a compra neste período de “novo normal”, após o pico da pandemia no Amazonas.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui