Fenômeno El Niño perde força

O fenômeno natural El Niño, que acontece nas zonas oriental e central do Pacífico equatorial, perdeu força. O El Niño gera uma corrente de água quente no oceano que provoca um aumento da temperatura do mar na costa, gerando efeitos meteorológicos extremos.

De outubro de 2015 a fevereiro deste ano, foi observado um aumento de dois graus celsius, o que fez com que o fenômeno se comparasse aos anos de 1982 e 1983, e 1997 e 1998, os mais impactantes até agora. Mas desde maio, as temperaturas estão de 0,5 a 1 grau acima da média, o que indica uma volta à normalidade, como indica o jornal colombiano El Espectador.

Nos últimos anos, o El Ninõ causou secas na América Central, Somália e Etiópia. Este último sofre a pior situação sem chuvas dos últimos trinta anos.

(Notícias ao Minuto)

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui