Greve dos ônibus acontecerá no dia (27) e Rodoviários esperam apoio da Justiça

Rodoviários aprovam a Greve Geral do Sistema em Manaus em Assembléia da Categoria - foto: vídeo/Gabriel Guimarães

O presidente do Sindicato dos Rodoviários, Givancir de Oliveira, está chamando a imprensa para anunciar a Greve Geral no sistema, a partir da 00:01 horas, da próxima quinta feira (27), em toda Manaus, por falta de reajuste nos salários dos motoristas e cobradores.

Contudo, Givancir alerta que mesmo o Sindicato cumprindo todos os requisitos, realizando assembléia geral da categoria, cumprido os prazos legais e publicação em órgão de imprensa de maior circulação na capital, alguns juízes tem tirado o direito de greve dos trabalhadores pela via das ‘liminares’, proibindo o movimento e aplicando multas astronômicas, como forma de intimidação.

Presidente do Sindicato dos Rodoviários, Givancir de Oliveira – foto: montagem/Gabriel Guimarães

Na avaliação do sindicalista, a categoria não vai aceitar novo impedimento de greve por força de liminar. “O Tribunal pode estipular porcentagens de ônibus em circulação, 10%, 30%, mas não deve tirar o direito de greve porque isso é inconstitucional”, deduz.

De acordo com Givancir, o Sindicato dos Rodoviários tem feito ‘greves legais’ e com todos os procedimentos estabelecidos e permitidos pela Lei Nº 7.783, de 28 de Julho de 1989, e espera que os Juízes entendam que a categoria está lutando por direitos adquiridos e salários atrasados.

“Se os patrões não derem o reajuste, os trabalhadores vão parar e o Sindicato está contando com o apoio da Justiça do Trabalho para fazer valer a Constituição Brasileira e o direito de Greve”, finaliza.

Ata da Assembléia Geral

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui