Homenagens às mulheres movimentarão o fim de semana em Manaus

Santo Casamenteiro - Foto: Divulgação

O fim de semana será movimentado nos espaços culturais administrados pela Secretaria de Estado de Cultura e Economia Criativa. De sexta (06/03) a domingo (08/03), a programação contará com mostras de filmes e exposição em alusão ao Dia Internacional da Mulher, espetáculo de dança e shows. A maioria dos eventos tem entrada gratuita.

Confira as homenagens

Sexta-feira (06/03)

18h – No Centro Cultural Palácio da Justiça (avenida Eduardo Ribeiro, 901, Centro) haverá a exibição dos filmes “Os anseios das Cunhãs”, de Regina Melo; e “Sandrine”, de Elen Linth, dentro da programação do “Cineclube de Arte – Homenagem ao Dia Internacional da Mulher”, promovido pelo Departamento de Difusão Cultural da Secretaria de Estado de Cultura e Economia Criativa. A entrada será gratuita, e as produções têm classificação indicativa para 14 e 16 anos, respectivamente. Após a exibição das obras serão exibidos filmes biográficos de personalidades do universo feminino.

19h – Também em alusão ao Dia Internacional da Mulher, acontecerá a abertura da exposição coletiva “Un!versa”, no Centro Cultural Palácio Rio Negro (avenida Sete de Setembro, 1.546, Centro). A mostra faz uma homenagem a mulheres idosas e suas histórias de vida, por meio dos olhares das fotógrafas Adriana de Lima, Chris Gouvea, Claudia Higuchi, Kamila Venuz, Lizete Viana, Mariana Rebouças, Paula Moraes, Ruth Jucá, Sara Rangel e Selma Maia. A curadoria é de Cleia Viana. Entrada gratuita e classificação livre.

19h30 – A Contem Dança Cia apresentará, no Teatro da Instalação (rua Frei José dos Inocentes, s/n°, Centro), o espetáculo “Mestiçagem”, contemplado pelo edital de Residência Artística Sesc Amazonas 2019. A obra de criação e produção em dança contemporânea fala sobre questões urgentes e relevantes para o povo brasileiro, que vive num país miscigenado, de uma infinidade de línguas, com características físicas e culturais distintas, aspectos geográficos e recursos dissemelhantes, mas com raízes profundas que precisam ser colocadas em evidências através da arte/política nos dias atuais.

O trabalho mostra um Brasil nortista, negro, caboclo, indígena, trazendo à tona narrativas que nos afirmam e conscientizam em relação às nossas raízes. A direção é de Francis Baiardi; a assistência de direção é de Leonardo Scantbelruy; o elenco é composto por Agostinho Ferreira, Layla Driely e Vitor Rocha. Entrada gratuita e classificação livre.

20h – No Teatro Amazonas (avenida Eduardo Ribeiro, 659, Centro), serão exibidos curtas-metragens da cineasta Izis Negreiros, no primeiro “Cine Teatro Amazonas” de 2020. A mostra reúne os filmes “O Príncipe da Encantaria”, uma versão do boto-cor-de-rosa para crianças; “A Bola Pune”, que mostra meninos de diferentes classes sociais que criam laços de amizade; “Benedito que Subia: Do Profano ao Divino”, que apresenta um breve recorte da diferença da festa de São Benedito, o Santo Negro do século 18 com a festa dos dias atuais; e “Santo Casamenteiro”, adaptação da peça teatral homônima que satiriza o universo das relações amorosas e da busca pelo par que, apesar das tentativas, nunca é perfeito. O evento terá entrada gratuita e classificação para 14 anos.

Mulheres que amam demais – Foto: Divulgação

Sábado (07/03)

19h – O DJ paulista Renato Henriques de Souza será a atração de sábado, na Casa do Jazz (rua José Clemente, 564, Centro, Largo de São Sebastião). Ele comandará as picapes com diversas vertentes e épocas do jazz. Acesso gratuito.

20h – Um dos mais talentosos e respeitados artistas amazonenses, Zezinho Corrêa apresentará o show “Banho de frevo”, em homenagem à cantora Elba Ramalho. No repertório, grandes sucessos como “Banho de cheiro”, “Bate coração”, “Ai que saudade de ocê”. O espetáculo contará com as participações especiais do Balé Folclórico do Amazonas, Bel Martine, Raylla Araújo e Lorenzo Fortes. Os ingressos estão à venda na bilheteria do Teatro, ao preço de R$ 80 (plateia e frisas) e R$ 60 (1, 2 e 3 pavimentos). Classificação: 10 anos.

Zezinho Corrêa – Foto: Alcides Netto

Domingo (08/03)

17h – A Cia Amattores apresenta o projeto “Arte no Parque – MAD – Mulheres que Amam Demais” no Parque Senador Jefferson Péres (avenida Lourenço da Silva Braga, 1.507, Centro). A performance – contemplada no Edital de Seleção de Propostas para Autorização de Uso Sem Ônus dos Equipamentos Culturais da Estrutura Organizacional da Secretaria de Estado de Cultura e Economia Criativa – consiste em um ensaio fotográfico, no qual uma atriz vestida de noiva troca de véus, sendo um vermelho e o outro preto, simbolizando a violência e o luto, enquanto um coletivo de atrizes vestidas de preto, exibem faixas em forma de protesto. A performance busca impactar o público por meio de dados estatísticos nas faixas apresentadas em cena, que tratam da violência sofrida por mulheres e do alto índice do feminicídio no Brasil. Acesso gratuito e classificação livre.

19h – A Amazonas Band apresentará, no palco do Teatro Amazonas, o concerto “Welcome to Amazonas”, um espetáculo com música brasileira e latin jazz voltado especialmente para turistas em visita a Manaus. O repertório traz obras de ícones da Bossa Nova, entre elas, “Chega de saudade” e “Garota de Ipanema”, de Tom Jobim e Vinicius de Moraes. O samba também estará representado com a interpretação dos clássicos “Na cadência do samba (Que bonito é)”, de Luiz Bandeira, e “Tristeza”, de Niltinho e Haroldo Lobo. O ingresso para plateia e frisas tem preço de R$ 50, e os demais assentos são gratuitos.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui