Inteligência do governo prevê 5.500 mortes até dia 6 de abril

O alerta sobre as mortes foi enviado ao presidente Bolsonaro – foto: arquivo

Um relatório da Agência Brasileira de Inteligência apontou que o novo coronavírus pode chegar a quase 208 mil casos no País e causar a morte de mais de 5.500 pessoas até 6 de abril. As informações são do site The Intercept Brasil.

De acordo com o site, o relatório, datado da última segunda-feira, foi enviado ao presidente Jair Bolsonaro.

A projeção das 5.571 mortes leva em conta a evolução de casos nos países mais afetados pela doença até agora, como China, Itália e Irã.

Num cenário um pouco menos traumático, a Abin projeta 71.735 casos e 2 mil mortes até 6 de abril, fazendo um cálculo comparando com as situações de Alemanha e França, que adotaram medidas restritivas com mais agilidade.

Essas projeções são feitas diariamente pela agência e partir de dados do Ministério da Saúde. O site apontou que no relatório anterior a Abin projetava 8.621 mortes até 5 de abril no pior cenário.

O documento também apontou que países como Coreia do Sul, Irã e China começaram a diminuir o número de casos após a adoção de medidas de restrição – medidas estas muito criticadas por Bolsonaro recentemente.

Yahoo!

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui