‘Lula sinaliza caminhada rumo ao centro para desmoralizar bolsonaristas’, afirma especialista

Lu e Geraldo Alckmin, Lula e Rosângela da Silva | Foto: Ricardo Stuckert

O ex-presidente Lula e principal adversário de Jair Bolsonaro à presidência da república, deixou claro em entrevista coletiva à imprensa independente, que seu candidato a vice será o ex-governador de São Paulo Geraldo Alckmin.

Para o publicitário e especialista em marketing político, Janiel Kempers, a junção de Lula e Alckmin é uma forma de desmoralizar o discurso bolsonarista. “ O que o ex-presidente Lula está querendo mostrar ao país com a escolha de Alckmin vice, é que ele não é um esquerdista fanático, extremista que o Bolsonaro e seus aliados estão tentando colocar”, afirma.

Das oito perguntas da primeira rodada, quatro foram sobre a formação dessa chapa. Em todas as respostas Lula fez questão de defender a aliança e elogiar seu provável companheiro de governo se vier a vencer em outubro. Lula fez questão, inclusive, de diferenciar Alckmin de Dória e disse que não vai “escolher um vice para ser contra eu (sic)”

A composição da chapa majoritária Lula e Alckmin tem sido um dos assuntos mais comentados no cenário político nacional, isso porque os dois foram adversários ferrenhos por muito tempo. Para o publicitário e especialista em marketing político, Janiel Kempers, além de tirar a ideia de extremista, a aliança com Alckmin tem como objetivo alcançar o eleitorado mais conservador. “ Além de eliminar o discurso de que Lula é de esquerda extrema, a aliança tem como objetivo sanar a enorme dificuldade que o petista tem em entrar dentro do eleitorado mais de centro-direita, aquele mais conservador”, pontua.

O ex-presidente tem elogiado fortemente o nome de Alckmin em seus discursos. Para o especialista, a aliança pode trazer benefícios ainda maiores, caso a chapa Lula – Alckmin seja vitoriosa nas eleições de 2022. “Assim como na corrida eleitoral, Lula sabe da importância em ter um articulador de centro-direita como Alckmin no governo, principalmente para entrar em bases anti esquerda no congresso nacional,”finaliza.

Boom Press

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui