‘Missão Covid’ leva telemedicina aos povos indígenas

Foto: Reprodução

Mais de 1.300 médicos estão cadastrados como voluntários no projeto Missão Covid. Eles se conectam com pessoas com sintomas de Covid-19 por meio da telemedicina, ou seja, consultas feitas por ligações de vídeo do WhatsApp. Agora, aldeias indígenas também terão acesso ao sérvio que, quando necessário, será acompanhado por agentes de saúde indígena local.

Para ter acesso ao atendimento é requisitado um cadastro no site do projeto. O cadastro geral é feito pelo site www.missaocovid.com.br e qualquer pessoa pode acessar. É possível ver um exemplo de atendimento no Instagram do projeto @missaocovid.

A ideia é diminuir o número de indígenas mortos por Covid-19. Conforme dados do Comitê Nacional pela Vida e Memória Indígena, quase 7 mil índios já foram infectados pelo novo coronavírus e mais de 300 mortes foram causadas pela doença. Ao todo, 104 povos indígenas foram atingidos pela pandemia.

Além do crescimento rápido de casos de infecção e óbitos, a disseminação do vírus entre os povos originários agrava outros ataques dentro dos territórios, como atividades ilegais de madeireiras e garimpos.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui