Mutirão supera 60 mil doses aplicadas contra a Covid-19 em Manaus

Foto: Arthur Castro e Lucas Silva / Secom

A 19ª edição do mutirão Vacina Amazonas atingiu a marca de 60 mil doses aplicadas contra a Covid-19 em Manaus, em pouco mais de 14 horas de duração.

O objetivo desta grande ação realizada pelo Governo do Amazonas, em parceria com a Prefeitura de Manaus, é vacinar pessoas com 40 anos ou mais que tomaram a primeira dose até o dia 28 de junho.

Com 33 horas ininterruptas de vacinação, o mutirão teve início às 9h de sábado (28/08) e segue até às 18h deste domingo (29/08) com 109 postos de vacinação distribuídos no Sambódromo, na Arena da Amazônia e na primeira etapa do Centro de Convenções Vasco Vasques abertos para receber e vacinar com a segunda dose o público-alvo deste mutirão.

Foto: Arthur Castro e Lucas Silva / Secom

Cerca de 150 mil doses da vacina AstraZeneca foram disponibilizadas pela Fundação de Vigilância em Saúde Dra. Rosemary Costa Pinto (FVS-RCP) para esta edição do Vacina Amazonas. Para receber a vacina é obrigatória a apresentação de documento de identificação original com foto, CPF e o cartão de vacinação com o registro da primeira dose.

Foto: Arthur Castro e Lucas Silva / Secom

Estrutura

Na Arena e no Sambódromo são 30 e 28 postos, respectivamente, operando na modalidade drive-thru. No Vasco Vasques, a estrutura é de 51 pontos, na primeira etapa do centro de convenções, para atendimento de pedestres.

Fluxo no complexo

O acesso dos carros à área de vacinação da Arena da Amazônia acontece pela rua Lóris Cordovil e rua Jornalista Flaviano Limongi (via entre a Arena da Amazônia e o Sambódromo) com saída pela avenida Constantino Nery.

Em relação ao Sambódromo, a entrada dos veículos é pela avenida do Samba e também pela avenida Coronel Pedro Teixeira. No Vasco Vasques a entrada de pedestres é pela avenida Coronel Pedro Teixeira.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui