Polícia Civil destaca atuação da Delegacia do Meio Ambiente em 2022

Foto: Divulgação/PC-AM

A Delegacia Especializada em Crimes Contra o Meio Ambiente (Dema), da Polícia Civil do Amazonas (PC-AM), apresenta ações realizadas para coibir práticas criminosas contra o meio ambiente. A unidade especializada está situada na rua Paul Adam, conjunto Shangrilá, bairro Parque Dez de Novembro, zona centro-sul.

A delegada Reika Costa, titular da Dema, destacou que os principais objetivos da unidade especializada são os de atender e investigar toda e qualquer ocorrência criminosa que afete o meio ambiente.

“Somos demandados para as ações policiais que envolvam crimes ambientais. Desta forma, estamos sempre de prontidão para colaborar com outros órgãos nestas missões, para assim, garantir a segurança da fauna ou da flora”, disse.

Foto: Divulgação/PC-AM

Principais as operações policiais

A Operação Tamoitatá 1 e 2, coordenada pelo Governo do Amazonas, que iniciou sua fase 2 em março e terminou em novembro deste ano. A Dema participou diretamente de todas as fases e etapas da operação: planejamento, organização, execução e avaliação.

A Operação Jaci 1, 2 e 3, realizada em três períodos do ano, para combater e reduzir os crimes de poluição sonora ocorridos nos bares e estabelecimentos de festas em Manaus. Essa operação foi coordenada pela Dema, com base nas denúncias da população de todas as zonas da cidade e teve o apoio do Batalhão Ambiental, Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Sustentabilidade (Semmas) e Instituto de Criminalística (IC).

E a Operação Reserva Ducke, criada devido às constantes denúncias de crimes ambientais que estariam ocorrendo na área da Reserva Florestal Adolpho Ducke. Policiais civis da Dema desencadearam a operação para combater e punir infratores que estavam derrubando árvores em área de preservação para comercialização de madeira.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui