Polícia Civil prende indivíduo por estupro de adolescente de 17 anos

Foto: Erlon Rodrigues/PC-AM

A Polícia Civil do Amazonas (PC-AM), por meio da Delegacia Especializada em Proteção à Criança e ao Adolescente (Depca), deflagrou nesta quinta-feira (15/04), por volta das 6h, ação policial que resultou na prisão de Thiago Lira de Souza, de 18 anos, em cumprimento a mandado de prisão preventiva por estupro praticado contra uma adolescente de 17 anos. O crime ocorreu no dia 2 de outubro de 2020, em uma área de mata do bairro Nova Cidade, zona norte da capital.

A operação contou com o apoio do Grupo Especial de Resgate e Assalto (Fera). O jovem foi preso no Conjunto Buritis, no mesmo bairro onde o crime ocorreu.

Foto: Erlon Rodrigues/PC-AM

Conforme o delegado Paulo Benelli, que está respondendo interinamente pela Depca, na ocasião do crime, o indivíduo estava trabalhando como mototaxista, momento em que a vítima estava voltando para casa e solicitou uma corrida com ele. Em determinado ponto, Thiago desviou o caminho e foi para uma área de mata e consumou o abuso.

“Ele estava portando uma arma de fogo calibre 38 e ainda chegou a roubar o aparelho celular e pertences pessoais da adolescente. Ela foi socorrida por populares sangrando e com as roupas rasgadas e, imediatamente, foi conduzida à Depca, onde prestou depoimento e registrou a ocorrência”, explicou Benelli.

Foto: Erlon Rodrigues/PC-AM

De acordo com a autoridade policial, as equipes iniciaram as investigações e conseguiram identificar Thiago como autor do delito. Sendo assim, foi solicitado à Justiça pelo mandado de prisão em nome dele, e a ordem judicial foi expedida no dia 25 de março deste ano, pela Central de Inquéritos. O jovem já possui passagem pela polícia por porte ilegal de arma de fogo e roubo.

Procedimentos – Encaminhado ao prédio da Depca, Thiago foi indiciado por estupro. Ao término dos trâmites cabíveis, ele será levado para a Central de Recebimento e Triagem (CRT), onde permanecerá à disposição da Justiça.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui