Prefeito de Itacoatiara pode ser preso

Foto: Divulgação

O descumprimento de uma ordem do Tribunal de Justiça do Amazonas (TJAM) pode resultar na prisão do prefeito de Itacoatiara (a 175 quilômetros de Manaus), Mário Abrahim.

O gestor não retomou um contrato para coleta de lixo no município.

O acordo em questão era com a empresa E. G. Engenharia. O contrato foi cancelado por Abrahim, mas a empresa recorreu à Justiça e ganhou a causa.

Porém, o prefeito não retomou o acordo e, além disso, não paga multa contratual.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui