Prefeitura antecipa recesso escolar após confirmação de coronavírus em Manaus

Foto: Reprodução

A Prefeitura de Manaus anunciou nesta segunda-feira (16) a antecipação do recesso escolar do sistema público municipal de educação. A interrupção das aulas, que entra em vigor nesta terça (17), acontece após a confirmação do primeiro caso do novo coronavírus na capital amazonense, na última semana.

O Governo do Amazonas informou que o caso confirmado do novo coronavírus no estado trata-se de uma paciente do sexo feminino, 39 anos, procedente de Londres. Segundo a Fundação de Vigilância em Saúde, ela encontra-se bem. Não ficou internada e está em isolamento domiciliar. A Fundação informou que contatos dela também estão sendo monitorados.

Durante coletiva de imprensa, o Governo do Amazonas informou que a mulher chegou de Londres no dia 11 de março. No dia seguinte, ela procurou uma rede de saúde privada e a FVS a notificou como caso suspeito.

Medidas e precauções

Outras medidas têm sido tomadas. Segundo o Governo, a Funati terá quatro semanas de aulas suspensas.

A FVS reforçou ainda que o uso de máscaras só é recomendado pela Organização Mundial de Saúde (OMS) para quem está doente, já que o objetivo do item é evitar a transmissão para outras pessoas.

O fechamento de fronteiras, citou o Governo, não é recomendado pelo Ministério da Saúde. Porém, o Estado informou que está monitorando o Aeroporto Internacional de Manaus, e que está na terceira revisão do plano de contingência vigente no terminal.

Sobre eventos e aglomerações de pessoas, o Governo do Estado recomendou a suspensão dos mesmos – além de indicar que igrejas restrinjam grandes eventos.

Fonte: G1

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui