Prefeitura de Coari está sob investigação do MPE

Foto: Reprodução

O Ministério Público Eleitoral (MPE) instaurou procedimento para apurar possíveis práticas da Prefeitura de Coari (a 368 quilômetros de Manaus) que possam favorecer a candidatura de Keitton Pinheiro na eleição suplementar do município. O pleito está marcado para 5 de dezembro.

Os atos dizem respeito a algumas publicações feitas nas redes sociais da Prefeitura de Coari. A prefeita interina, Dulce Menezes, é parente de Keitton Pinheiro, que disputa a eleição suplementar.

Conforme o órgão ministerial, serão fiscalizadas publicações com caráter autopromocional, de antecipação de pagamento de salários de servidores públicos municipais, atitude apta, em tese, a configurar abuso de poder político. O MPE recomenda, ainda, que a Prefeitura de Coari evite qualquer tipo de propaganda antecipada e/ou “mascarada” nas eleições suplementares.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui