Transportes de trabalhadores para o Distrito Industrial tem greve confirmada

Presidente do Sindespecial, William Enock, diz que categoria não aceita proposta do Sifretam - foto: divulgação

O Sindicato Patronal dos Transportes de Fretamento (Sifretam), acabou de selar o movimento grevista na categoria que transportam trabalhadores para o Distrito Industrial, em Manaus, no Amazonas, ao negar reajuste salarial de 15% exigido pelos Sindicato laboral, o Sindespecial, em ofício endereçado à sua diretoria.

“Acabamos de receber a contra proposta de 5,99% do sindicato patronal Sifretam como reajuste salarial e R$ 380,00 reais de cesta básica e, nada a mais”, lamentou o presidente do Sidespecial, William Enock, já anunciando que a resposta dos trabalhadores e do Sindicato da categoria será a greve geral.

Enock disse que o sindicato rejeitou a proposta e que está acionando os trabalhadores, chamando todos para a greve. Ele não disse a data e nem a hora de início da paralização.

No entanto, garantiu que se não houver recuo dos patrões, a greve é inevitável.

Leia ofício:

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui