Adolescente é estuprada por venezuelano após falsa venda de celular no São José 2

Foto: Divulgação

MANAUS – Por volta das 21h de segunda-feira (6), os policiais militares da 9º Companhia Interativa Comunitária de Polícia (CIOM), atenderam uma ocorrência de estupro que teria acontecido na rua dezenove no bairro, São José 2, zona Leste de Manaus.

Ao chegar ao local, a guarnição entrou em contato com a mãe da vítima no qual informou aos policiais que a menor foi estuprada por um venezuelano que mora em um apartamento em frente da casa da vítima.

O acusado a atraiu  para dentro do apartamento com a desculpa de que iria vender um celular para ela e, dessa forma, aproveitou para praticar o ato criminoso. Os policiais foram até o apartamento onde o acusado reside junto com a vítima que o reconheceu como autor do delito e, assim, foi dada voz de prisão a ele sendo, em seguida, apresentado juntamente com a vítima e a representante na Delegacia de Proteção à Criança e ao Adolescente (DEPCA), para providências.

O acusado foi apresentado com a integridade física e mental preservada.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui