Animados, Belgas e russos chegam em peso ao Maracanã para o jogão

Belgas chegam em massa/Foto: Daniel Ramalho

Belgas chegam em massa/Foto: Daniel Ramalho
Torcedores russos chega ao Maracanã/Foto: Daniel Ramalho

Milhares de torcedores belgas, russos e brasileiros lotam as plataformas de acesso do metrô do Rio de Janeiro ao Maracanã para ver a partida entre Bélgica e Rússia, neste domingo, que começa às 13h (de Brasília).

A menos de 1h30 antes da partida começar, a passarela que conecta a saída da estação Maracanã ao estádio está completamente lotada. Os vagões do metrô estão muito cheios de torcedores. Perto da estação São Cristóvão, um argelino e dois belgas foram detidos pela Polícia Militar por venda de ingresso.

Porém, houve muita festa nos arredores do Maracanã. Com uma bandeira do Brasil estilizada e nas cores vermelha e amarela, da Bélgica, o jornalista belga David Dupuis, de 36 anos, por exemplo, disse que espera que a sua seleção chegue pelo menos às quartas de final do Mundial. “Tudo é possível. Chegar às quartas vai ser bom”, disse.

O russo Andrey Levin, de 49 anos, vai a todas as Copas do Mundo desde 1996 para ver jogos de seu país e no Brasil, pretende assistir a todos as partidas da Rússia. “O melhor do nossa seleção é o treinador”, afirmou.

Capello banca goleiro após frango e se irrita com pergunta

Depois de ser roubado no Rio e de achar o povo de Cuiabâ desanimado para a Copa, ele acha que o Mundial de 2018 será melhor. “Na Rússia vai ser mais organizado e animado”, disse.

Muitos brasileiros também foram ver a partida, apesar de Rússia e Bélgica não estarem entre as seleções mais tradicionais do planeta. “O que importa é ver um jogo da Copa. A Rússia tem jogadores que atuam em bons times pelo mundo”, disse o brasileiro Fernando Rocha.(T

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui