As féria acabaram, o que fazer na volta às aulas?

Confira sugestões que ajudarão a voltar com todo o gás para as aulas - foto: Telavita

As férias são aguardadas por praticamente todo o ano, já que são os dias em que os alunos podem descansar o corpo e a mente e recarregar as baterias para o que virá. Mas e quando elas acabam, o que fazer?

É preciso voltar ao ritmo de antes para conseguir acompanhar as aulas, trabalhos e provas e garantir boas notas para a continuidade dos estudos, seja na escola ou na faculdade, o que pode fazer toda a diferença em seu aproveitamento.

Para ajudá-lo, nós separamos dicas práticas e que podem te ajudar nessa readaptação. Quanto antes forem colocadas em prática, melhor preparado você estará!

Como estar pronto para a volta às aulas?

Ao seguir a essas sugestões, a volta aos estudos acontecerá de uma forma bem mais simples e natural!

Tenha colegas de estudo

Fazer amizades é bom para poder sair, conversar e se divertir, mas eles também são importantes para seus estudos, já que podem lhe ajudar a melhorar os conhecimentos e dar aquela dose extra de motivação.

Para ter o melhor aproveitamento possível dos conteúdos, o ideal é ter um grupo de estudos que se reúna pelo menos uma vez por semana para revisar os materiais e tirar eventuais dúvidas que tenham permanecido.

Além dos encontros físicos, pode ser feito um grupo no WhatsApp, no Messenger ou em algum outro aplicativo, onde todos trocam informações e dicas para encarar os assuntos e matérias mais complicados.

Confira sugestões que ajudarão a voltar com todo o gás para as aulas – foto: Telavita

Faça notas para não se esquecer

Nem sempre é fácil se lembrar do nome daquele personagem importante para a matéria, da fórmula que te dá o resultado desejado ou da técnica que pode ser usada para melhorar os resultados de uma empresa. Para não se esquecer, use o bom e velho Post-It.

Essa é uma situação corriqueira, principalmente logo após voltar das férias, quando o cérebro ainda não está tão “aquecido”. Para evitar que isso aconteça, leve um bloco de notas para não se esquecer das informações-chave.

Aplicativos também ajudam, como o Google Keep, por exemplo, mas as notas físicas podem fazer com que a memorização venha de forma mais eficiente. Além disso, depois de resolver aquela questão, você poderá ter a deliciosa sensação de realização ao tirar o Post-It e jogá-lo fora.

Tenha a literatura necessária

Lembrar-se dos conteúdos e aprender o que é preciso já não é uma tarefa simples, que fica ainda mais difícil quando você não tem os livros e materiais que os professores pedem. Por isso, faça o que for possível para ter o que precisa à disposição.

Caso o orçamento esteja curto e não seja possível comprar todos, recorra à biblioteca da escola ou faculdade, peça emprestado ou procure versões virtuais.

Se não foi possível comprar ou achar um livro, mesmo pela internet ou emprestado, pergunte para o professor se há outra fonte em que você pode se basear. Assim, você terá os recursos para aprender tudo o que for necessário.

Faça cursos adicionais durante as férias

Tudo bem que essa é uma época de descansar, mas nada lhe impede de atualizar seus conhecimentos através de cursos pela internet, os quais podem lhe ajudar bastante no decorrer da escola ou da faculdade.

Há centenas de opções que você pode escolher para melhorar seu currículo, crescer acadêmica, pessoal e profissionalmente e, de quebra, dar uma forcinha para conseguir aquelas horas complementares tão importantes para sua formação.

É possível recorrer a um curso de leitura dinâmica e memorização para conseguir potencializar sua memória e a velocidade da leitura, ou a aulas online de organização de tempo, para poder planejar melhor seus horários e ter disponibilidade para mais atividades.

Além de todos esses benefícios, você já começa a condicionar o seu cérebro para a maratona de aulas, provas e atividades que o aguardam quando as aulas voltarem. Logo, o esforço vale muito a pena.

Não abandone o hábito da leitura

Ler é muito importante durante as aulas, já que há uma boa quantidade de livros de apoio que precisam ser estudados, e o simples fato de manter esse hábito durante as férias te ajudará a ter vantagens competitivas.

A atividade, porém, não precisa ser cansativa ou maçante: você pode ler outros conteúdos que não sejam para fins acadêmicos, como livros literários, de autoajuda, finanças, curiosidades, esportes ou de quaisquer outros assuntos que lhe agradarem.

Com isso, quando você precisar ler os livros e textos da faculdade, o cérebro já estará mais acostumado e, assim, o aproveitamento será melhor.

Cuide da sua saúde

Embora seja um assunto que nem sempre venha à mente, a saúde está diretamente relacionada ao seu desempenho nos estudos, o que merece uma dose especial de atenção, já que as férias não costumam ser períodos de muitos cuidados.

Tente definir horários para acordar e dormir, bem como para as suas refeições, de modo que o relógio biológico fique em dia e você consiga ter uma rotina mais equilibrada.

A alimentação tem um peso muito grande. Portanto, não pule nenhuma refeição, nem mesmo o café da manhã, que você pode querer colocar em segundo plano, mas é essencial para ter energia suficiente para as atividades do dia.

As atividades físicas também são indicadas, já que melhoram seu condicionamento e disposição, além dos comprovados benefícios para o corpo e a mente, de queimar calorias e melhorar a silhueta a combater o estresse.

Tenha uma ótima volta às aulas!

Aproveitar as férias é bom, mas voltar a estudar também, já que essa é uma etapa fundamental para o seu futuro pessoal e profissional. Portanto, valorize a oportunidade, já que quanto maior for a motivação, melhores tendem a ser os resultados.

Curta seus merecidos dias de férias, mas não deixe os bons costumes de lado, como ler, se exercitar, se alimentar bem, participar de grupos de estudos, anotar informações importantes e fazer cursos online. Com isso, o aproveitamento das aulas será máximo e você entrará logo no ritmo!

a

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui