Corinthians só precisa de um empate contra o San Lorenzo hoje (16)

Love substituirá Guerrero, no Timão/Foto: Divulgação

Love substituirá Guerrero, no Timão/Foto: Divulgação
Love substituirá Guerrero, no Timão/Foto: Divulgação

O ambiente está a favor, a campanha na atual edição da Libertadores também. O Corinthians só precisa de um empate hoje, quinta-feira, às 22h (horário de Brasília), contra o San Lorenzo, para se garantir nas oitavas de final da competição. Os argentinos, por outro lado, querem se manter vivos na disputa pela segunda vaga do Grupo 2.
A expectativa é de quebra de recorde de público na Arena Corinthians – contando só os jogos do Timão. O estádio que tem virado um caldeirão durante a Libertadores deve receber mais de 39 mil pessoas nesta quinta – ingressos já vendidos. O atual recorde é de Corinthians 2 x 0 São Paulo, na abertura da fase de grupos: 38.471 pagantes.

O San Lorenzo é líder do Campeonato Argentino e quer levar a boa fase à arena para tentar surpreender o Timão e entrar como favorito à vaga na última rodada, quando Corinthians e São Paulo se enfrentam, e o Ciclón recebe o eliminado Danubio em Buenos Aires.

A arbitragem será formada por três peruanos. O árbitro principal será Victor Carrillo, auxiliado por Cesar Escano e Braulio Cornejo.

Equipes

Corinthians: depois de ter dúvidas sobre qual escalação levaria a campo, Tite decidiu jogar com força máxima. O Timão começa o duelo com Cássio, Fagner, Felipe, Gil e Uendel; Ralf; Jadson, Elias, Renato Augusto e Emerson; Vagner Love.

San Lorenzo: com elenco praticamente completo à disposição, o técnico Edgardo Bauza vai escalar o time-base da Libertadores, com Torrico, Buffarini, Caruzzo, Yepes e Más; Ortigoza e Mercier; Villalba, Romagnoli e Blanco; Mauro Matos.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui