Taxista é mantido refém e carro é usado por trio para cometer arrastões em Manaus

O veículo foi encontrado abandonado por volta das 23h30, na Comunidade São João, situada no quilômetro 4 da BR-174, na Zona Rural de Manaus - foto: divulgação/Polícia Civil

Um taxista de 37 anos foi assaltado e mantido refém por três homens armados na noite de terça-feira (2), em frente ao Cemitério Parque Tarumã, localizado na Avenida do Turismo, bairro Tarumã, Zona Oeste de Manaus.

Segundo o tenente Odelismar, da 20ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom), o trio de criminosos surpreendeu a vítima, que foi colocada no porta-malas do veículo. Na ocasião, o taxista conseguiu escapar quando o veículo estava em movimento.

“Os suspeitos usaram o carro para cometer arrastões nas Zonas Oeste e Norte de Manaus. Segundo a vítima, durante o tempo em que esteve no porta-malas, ele conseguiu ouvir os assaltantes abordando as pessoas e roubando celulares. Pelo menos oito pessoas foram vítimas de assalto”, explicou o tenente.

O veículo foi encontrado abandonado por volta das 23h30, na Comunidade São João, situada no quilômetro 4 da BR-174, na Zona Rural de Manaus - foto: divulgação
O veículo foi encontrado abandonado por volta das 23h30, na Comunidade São João, situada no quilômetro 4 da BR-174, na Zona Rural de Manaus – foto: divulgação/Polícia Civil

Após conseguir escapar do porta-malas, o taxista ficou levemente ferido. O veículo foi encontrado abandonado por volta das 23h30, na Comunidade São João, situada no quilômetro 4 da BR-174, na Zona Rural de Manaus.

A Polícia Militar informou que guarnições ainda fizeram buscas para localizar os suspeitos, mas o trio conseguiu escapar a pé pela mata e ainda não foram encontrados.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui