Encontro do PT promete tirar o vereador Sassá da disputa à Câmara Federal

PT não deve ter candidato ao Governo do Amazonas em 2022 - foto: recorte/recuperada

A escolha dos candidatos a deputados Estadual, deputados Federal e vice-governador pelo Partido dos Trabalhadores (PT-Amazonas), acontecerá neste sábado (02), na sede do Sindicato dos Metalúrgicos, na Avenida Duque de Caxias, Praça 14, Centro.

A partir deste encontro, serão conhecidos os nomes dos cinco candidatos do PT, que concorrerão à Câmara Federal e os 10 que disputarão eleição para a Assembléia Legislativa do Estado.

A novidade, é que os pretendentes a uma vaga de candidato pela legenda, chegarão ao encontro mais ou menos sabendo que seu nome já está definido para a lista.

Das 09 vagas pela Federação (PT, PV, PCdoB) para deputado Federal, 05 foram destinadas para o PT. Conforme comentou membro da direção nacional, a distribuição entre as forças internas da legenda no Amazonas estão assim pré-definidas, Edjane Rodrigues (RUL), Luiz Borges, Sheila de Itacoatiara (Movimento), Anne Moura (CNB) e José Ricardo (Resistência), serão os pretensos donos das vagas para deputado federal.

Sassá está fora

O atual vereador Cícero Custódio, o Sassá da Construção Civil, ficará fora. Mesmo sendo parlamentar, o que lhe daria vantagem para a sua escolha a candidato a deputado Federal, esse direito lhe será negado em função do seu posicionamento político.

Sassá tem se mostrado aliado de ultima hora dos apoiadores do presidente Jair Bolsonaro, no Amazonas e, não está fazendo questão de ocultar a sua movimentação em direção à extrema direita bolsonarista.

Palanque para o Lula

O encontro também servirá para escolha do palanque para o candidato à presidência da República, Luiz Inácio Lula da Silva (PT).

Entre as possíveis propostas, está a sua subida no palanque do deputado Ricardo Nicolau (Solidariedade), que concorre ao governo do Estado e com grande possibilidade de ter Lula apoiando a sua campanha.

Amazonino Mendes (Cidadania), ainda aparece, remotamente, com possibilidade de ter o apoio de Lula, conforme membros do partido no Estado e desejo da sua base aliada.

O PT ainda terá 10 vagas para candidato a deputado estadual, das 25 destinadas à Federação. O PV terá direito a 09 vagas e o PCdoB as outras 06 vagas restantes.

Candidatura Própria

O PT não terá candidatura própria ao Governo do Amazonas, mas, de certeza, terá nome para concorrer uma vaga de vice-governador em uma das duas possíveis chapas e em condições de oferecer o cargo ao PT, no Amazonas.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui