Governo estabelece novas restrições a partir desta segunda-feira

Foto: Reprodução

A partir desta segunda-feira (25), passa a valer um novo decreto no Amazonas com o objetivo de reduzir os índices de covid-19 no Estado.

A recomendação é da Procuradoria Geral, para promover um isolamento social mais severo para diminuir o índice de contaminação pelo coronavirus.

“As medidas estão mais rígidas, mas enfatizamos que não haverá lockdonw no Estado, como foi falsamente divulgado nas últimas horas. Queremos, apenas, mais conscientização da população”, afirmou o governador do Amazonas, Wilson Lima.

Entre as medidas está o funcionamento de supermercados, que passará a ser de 6h às 19h. As farmácias e drogarias poderão funcionar por 24 horas. Feiras de 4h à 8h

Bares, padarias, restaurante 6h às 22h, adotando o delivery. A indústria funciona por 12 horas, a não ser alimentação, farmácia e itens hospitalares.

Também fica estabelecida, por decreto, a proibição de circulação de pessoas nas ruas por 24 horas, apenas se for por extrema necessidade, como ida ao supermercado, farmácia ou similares.

“Estamos com uma mutação nova do coronavirus no Estados e com capacidade de grande infecção. A cada cem pessoas infectadas, outras 130 podem se infectar”, explicou o governador.

As medidas restritivas foram estabelecidas após reunião entre o governo do Amazonas e representantes da indústria e comércio locais. O novo decreto terá validade de dez dias.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui