Jovem é encontrada morta com sinais de estrangulamento, na Prainha

Corpo de Brenda é retirado da água/Foto: Divulgação

A estudante Brenda da Mota Dantas, de 21 anos, foi encontrada morta na manhã de ontem, segunda-feira (12), com sinais de estrangulamento, na Rua Aruanda, na região da Prainha, no Tarumã, na Zona Oeste de Manaus.

Segundo a mãe da vítima, Vera Lúcia da Mota, de 43 anos, Brenda havia saído de casa na noite de sexta-feira (09), para ir a uma choperia, no bairro Coroado, na Zona Leste, quando encontrou “Galerito”, na volta para casa. Em Seguida, ela entrou no carro, cor vermelha, onde estavam outras seis pessoas.

Corpo de Brenda é retirado da água/Foto: Divulgação

Ainda segundo Vera Lúcia, o laudo do Instituto Médico Legal (IML) apontou estupro e drogas no corpo da estudante. Brenda mantinha um relacionamento com o “Galerito”, declarou a mãe da jovem, que deixou uma filha, de dois anos.

O caso deve ser investigado pela Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS).

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui