Manaus sediará o curso “Proteger a Infância” com apoio do TJAM

Foto: Reprodução

Nos próximos dias 28 e 29 de setembro a capital amazonense sediará o curso “Proteger a Infância: Proteção Integral e Garantia dos Direitos Fundamentais de Crianças e Adolescentes”. A formação, inédita no Amazonas, será destinada a profissionais; universitários; operadores do Direito e pessoas voluntárias que desenvolvem atividades voltadas para o público infantojuvenil e o curso será promovido pela Comissão para a Proteção Integral e a Garantia dos Direitos Fundamentais de Crianças e Adolescentes (Copac) do Movimento Focolares e da Arquidiocese de Manaus, com o apoio do Tribunal de Justiça do Amazonas (TJAM).

Com a participação de conferencistas especializados no segmento, o curso, a partir de palestras; plenárias; painéis de debate e oficinas abordará temas, como “Infância e Juventude: Princípios e Critérios para Proteção”; “A proteção integral e garantia dos direitos fundamentais da Infância e Juventude”; “Aspectos Psicológicos e Jurídicos da Violência”; “Abusos Sexuais cometidos contra crianças e adolescentes e a resposta da Igreja”; “Formação de Educadores e Medidas de Prevenção”; entre outros.

Incentivadora e coorganizadora da formação, a desembargadora do Tribunal de Justiça do Amazonas (TJAM), Socorro Guedes, informou que um dos objetivos da capacitação é multiplicar o conhecimento sobre a proteção integral e a garantia dos direitos fundamentais das crianças e adolescentes. “Encorajando os participantes do curso a adotarem, nas atividades desenvolvidas junto a crianças e adolescentes, ações preventivas e protetivas, oriundas de uma postura crítica, reflexiva e concreta, para a transformação das suas realidades em ambientes seguros, que promovem o bem-estar recíproco de seus frequentadores”, apontou a magistrada.

Conforme a desembargadora, o curso também contempla a formação de educadores e profissionais de diversos segmentos, dentre os quais, professores; profissionais da área de saúde; treinadores esportivos; agentes de pastoral; catequistas; monitores de grupos infantojuvenis; além de genitores e grupos de família para que, em suas atividades, promovam a proteção integral e a garantia dos direitos fundamentais de crianças e adolescentes.

Na oportunidade, todos os cursistas receberão material didático com amplo conteúdo, selecionado e formatado exclusivamente para o evento de formação.

Programação

No primeiro dia de atividades (28), o curso contará com aula inaugural com o tema “Proteger a Infância: Proteção Integral e Garantia dos Direitos Fundamentais de Criança e Adolescente”, ministrado pela advogada, doutora em Direitos da Infância e da Juventude pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), Cláudia Maria Carvalho do Amaral Vieira, com o painel “Aspectos Psicológicos e Jurídicos da Violência, Abusos Sexuais cometidos contra Crianças e Adolescentes e a resposta da Igreja Católica”, com a participação, como conferencistas, da psicóloga Fumico Oizumi; do teólogo Celito Moro e da advogada Cláudia Vieira.

No mesmo dia a advogada e educadora Cristiane Ganda Ribeiro conduzirá o painel de debates: “Formação de Educadores e Medidas de Prevenção”, e o representante da Comissão para Proteção Integral e Garantia dos Direitos Fundamentais de Crianças e Adolescentes (Copac), Nelson Porto Alegre, apresentará o projeto “Proteger a Infância”.

Já no segundo dia de trabalhos (29), o curso contará com oficinas de aprofundamentos, destinadas a instituições, famílias, paróquias e sociedade civil.

O curso “Proteger a Infância: Proteção Integral e Garantia dos Direitos Fundamentais de Criança e Adolescente” ocorrerá nos dias 28 (das 8h às 18h) e 29 (das 8h às 12h) no auditório da Faculdade Metropolitana de Manaus (Fametro), localizada na Avenida Constantino Nery, n.º 3000, bairro Chapada.

Como participar

Com vagas limitadas e taxa de inscrição no valor de R$ 30,00, que dá direito ao recebimento de material didático e a almoço, no sábado. A participação pode ser solicitada via WhatsApp pelo contato (92) 98412-2248 ou, ainda, pelo email: [email protected]

Além do Tribunal de Justiça do Amazonas (TJAM) o curso tem como colaboradores a Federação das Indústrias do Estado do Amazonas (Fieam); a Faculdade Metropolitana de Manaus (Fametro); Ordem dos Advogados do Brasil, Seccional Amazonas (OAB/AM); Federação do Comércio do Estado do Amazonas (Feceam); o Centro da Indústria do Estado do Amazonas (Cieam) e Da Vinci Hotel.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui