Vacinação em Coari será fiscalizada

Foto: Reprodução

A vacinação contra a covid-19 em Coari (a 368 quilômetros de Manaus) será fiscalizada. A recomendação é do Ministério Público do Amazonas (MPAM) no município, por meio do promotor de justiça Thiago de Melo, que instaurou procedimento administrativo.

O Procedimento levou em conta que, no caso dos municípios que não possuem leitos de UTI ou de enfermaria de covid-19, o grupo da linha de frente de combate à doença consiste nos trabalhadores da saúde que atuam nos serviços da atenção básica. Conforme a Fundação de Vigilância em Saúde (FVS), foram enviadas 905 doses da vacina CoronaVac ao Município.

O procedimento pede, ainda, que o registro de aplicação de vacinas contra a covid-19 deve ser realizado no Sistema de Informação do Programa Nacional de Imunização (SI-PNI), que tem como objetivo possibilitar aos gestores envolvidos no programa uma avaliação dinâmica do risco quanto à ocorrência de surtos ou epidemias. É solicitado também o cumprimento da ordem de prioridade da vacinação.

O município deve ainda elaborar um plano de vacinação local, com a adequação das unidades destinadas à sua execução e o registro diário das informações nos sistemas (SI-PNI), e informar o quantitativo de vacinas recebidas pelo município até a presente data, bem como de indivíduos que receberam a primeira ou segunda dose.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui