Velório de Maradona é encerrado após tumultos

Foto: Reuters/Matias Baglietto

O velório de Diego Armando Maradona, que ocorria nesta quinta-feira (26) na Casa Rosada, sede do governo da Argentina, teve de ser encerrado após tumulto nos arredores do prédio. A informação foi dada pela rede Todo Noticias e pelo jornal “Clarín”.

Por volta das 17h (de Brasília), o carro funerário foi visto chegando no local da cerimônia. Pessoas que estavam no prédio do governo argentino recolheram as coroas de flores e outras homenagens que eram colocadas no caixão com o corpo do ex-jogador.

Ainda segundo o “Clarín”, a família de Maradona já prepara o traslado do corpo do jogador até o cemitério Jardín de Bella Vista, onde será sepultado.

Segundo relatos do jornal “La Nación”, alguns dos fãs de Maradona invadiram a Casa Rosada e houve confusão no local onde ocorria a homenagem. Por motivo de segurança, o caixão com o corpo do atleta foi levado a outra área, mais segura.

Não se sabe, até as 17h24 desta quinta, se haverá cortejo com o caixão de Maradona pelas ruas de Buenos Aires no trajeto até o cemitério de Bella Vista. A família prevê sepultar o corpo do jogador ainda nas próximas horas.

Maradona morreu aos 60 anos na quarta-feira (25), em Buenos Aires, semanas após passar por cirurgia. O governo da Argentina declarou luto oficial de três dias depois da morte do maior ídolo da história do futebol no país.

G1

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui