Boa Vista do Ramos recebe R$ 150 mil em benefícios para instituição do setor primário

Foto: Breno Brandão/FPS

O Governo do Amazonas, por meio do Fundo de Promoção Social e Erradicação da Pobreza (FPS), realizou, neste sábado (04/12), em Boa Vista do Ramos (distante 271 quilômetros de Manaus), a entrega de equipamentos e materiais de consumo e permanentes para a Associação Comunitária Agrícola de São Tomé (Acast).

A entrega ocorreu na sede da associação, localizada na margem direita do Rio Massauary, na estrada das Palmeiras.

Entre os materiais entregues estão equipamentos de informática, como notebook, retroprojetor, impressora multifuncional; e equipamentos agrícolas, como micro trator e carroça, motor de popa e estacionário, kit de propulsão, canoa de alumínio, entre outros; além de equipamentos de consumo. O valor do fomento por meio do edital 001/2020 do FPS, é de R$150 mil.

Foto: Breno Brandão/FPS

Clenilson Paiva, presidente da Acast, afirmou que, há mais de dez anos de existência, a associação nunca havia recebido nenhum tipo de benefício do governo; mas na atual gestão, a entidade tem sido vista com olhar especial em relação ao trabalho desenvolvido por seus associados.

Foto: Breno Brandão/FPS

Benefício

A aquisição destes equipamentos permitirá aumentar a produção dos associados da Acast, do pirarucu manejado e culturas alimentares, além de levar melhorias e condições de monitoramento dos lagos, onde realizam o manejo do pirarucu e o cultivo de culturas de ciclo curto em sistema mecanizado.

“Além do setor primário, nós temos projetos voltados para o setor social do município de Boa Vista do Ramos. E já estamos conversando com outras entidades, como a Colônia de Pescadores, para que eles venham participar de nossos editais pois, como compromisso deste governo, a nossa secretaria e o nosso corpo técnico estarão sempre disponíveis para receber todas as associações, cooperativas e colônias para serem orientadas a participarem com seus projetos. E, assim, serem beneficiadas com fomento por meio dos editais”, afirmou Kathelen Braz, secretária-executiva do Fundo de Promoção Social e Erradicação da Pobreza (FPS).

Foto: Breno Brandão/FPS

Entidade

A associação atua com o propósito de organizar, via associativismo, os moradores da comunidade São Tomé, com o objetivo de preservar seus complexos de lagos e recursos naturais existentes. Atualmente, a principal fonte de renda do Distrito se dá pela comercialização de bovinos, bubalinos, caprinos, ovinos, além da piscicultura, que abastece toda a região.

Em concomitância com a criação de gado e produção de leite e derivados, todos os associados possuem pequenas produções de mandioca, hortaliças e frutíferas. Por ano, são comercializados 5.500 animais. Semanalmente, 700 quilos de queijo e, diariamente, 2.500 litros de leite. Toda a produção é comercializada na sede dos municípios de Barreirinha, Parintins, Maués e Silves, nas feiras e comércios das cidades.

FPS

O Fundo de Promoção Social e Erradicação da Pobreza atua fomentando projetos autossustentáveis, de geração de emprego, renda e inclusão social, que garantem os direitos dos idosos, crianças, adolescentes e pessoas com deficiência e pessoas em situação de vulnerabilidade social e econômica.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui