Ministro Luís Roberto Barroso manda instalar CPI da Pandemia no Senado

Foto: Roberto Jayme/ASCOM/TSE

O ministro Baroso determina que CPI apure possíveis omissões do governo federal no enfrentamento da pandemia da Covid-19, no Brasil.

Possíveis omissões do governo federal no enfrentamento da pandemia serão analisadas em uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI). A decisão veio do ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Luís Roberto Barroso.

O ministro lembrou que a Constituição estabelece que as CPIs devem ser instaladas sempre que houver assinatura de um terço dos integrantes da Casa, indicação de fato determinado a ser apurado e definição de prazo certo para duração.

Barroso concedeu liminar em mandado de segurança apresentado pelos senadores Alessandro Vieira e Jorge Kajuru, e liberou o tema para julgamento colegiado imediatamente no Plenário Virtual do STF.

O ministro justificou a concessão da liminar com urgência em razão do agravamento da pandemia no Brasil, avaliando que a crise sanitária provocada pela Covid-19 está “em seu pior momento, batendo lamentáveis recordes de mortes diárias e de casos de infecção”.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui