No Amazonas cerca de 500 policiais militares estão ameaçados de exoneração

Deputado cabo Maciel(C), reunido com Defensor Carlos Almeida/Foto: Divulgação

Deputado cabo Maciel(C), reunido com Defensor Carlos Almeida/Foto: Divulgação
Deputado cabo Maciel(C), reunido com Defensor Carlos Almeida/Foto: Divulgação

Quase 500 policiais militares e 10 alunos Oficiais, estão ameaçados de exoneração, imediata, dos quadros da Polícia Militar do Amazonas (PMAM), por terem ingressado na corporação com idade superior a 28 anos em 2011. Por conta disso, o presidente da Comissão de Segurança Pública da Assembleia Legislativa do Amazonas, deputado Cabo Maciel, reuniu o corpo técnico da Comissão de Segurança com o Dr. Carlos Almeida Filho, Defensor Público do Estado, para buscar uma solução legal para o problema.
Disse Cabo Maciel, que os militares foram aprovados, regularmente, para ingressar na corporação com idade inferior a 28 anos (vinte e oito anos) em 2011, cujo certames foram prorrogados até 02 de Fevereiro de 2011, mas, convocados em 2014.

Entretanto, continuou Cabo Maciel, os referidos soldados, já formados, e os alunos Oficiais, ambos amparados por liminar, nos autos dos processos cujos méritos foi renegado na data atual, ensejando por consequência pela Defensoria Pública do Estado, através do Dr. Carlos Almeida Filho, ao prazo, o recurso de apelação que seguindo a regra do Art. 520.

Além do que, para o deputado Cabo Maciel a exoneração de quase 500 policiais militares já formados, em muito prejudicará a Segurança Pública do Estado do Amazonas, principalmente no interior do Estado, onde já encontram-se parte desses policiais militares.

Destarte, o Presidente da Comissão de Segurança Pública se aliou a Defensoria Pública do Amazonas visando a manutenção tanto dos soldados, quanto dos oficiais nas fileiras da corporação, concluiu.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui