Polícia prende quadrilha de servidores que fraudava sorteios de casas no Acre


A Policia Civil iniciou nas primeiras horas desta segunda-feira, 1, a execução da Operação Lares, com o intuito de prender servidores públicos do governo do Acre que cobravam até R$ 30 mil para fraudar os sorteios das casas construídas na Cidade do Povo, o maior conjunto habitacional do Acre.

De acordo com informações repassadas extraoficialmente, essa é apenas a primeira fase da operação policial que pretende se aprofundar ainda mais para descobrir os principais autores dos crimes. Segundo a polícia, cinco servidores públicos foram detidos e serão interrogados pelos investigadores.

Na ação, a polícia apreendeu celulares, computadores e uma vasta documentação que poderão ajudar a elucidar e chegar a outros nomes no crime de corrupção.

(ac24horas)

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui