Sepror capacita servidores e promove intercâmbio no sul do Amazonas

Foto: Emerson Martins/Sepror

A Secretaria de Estado de Produção Rural (Sepror) e a Companhia de Desenvolvimento do Estado do Amazonas (Ciama) deram início, hoje (20/09), ao intercâmbio de boas práticas, no município de Humaitá (distante 590 quilômetros de Manaus), onde foram feitas visitas ao Frigorífico Amazonas e ao Grupo Masutti Porto e Navegação.

O curso faz parte da agenda do Programa Agro Amazonas, criado pelo Governo do Estado com o objetivo de reforçar o desenvolvimento do setor primário e diversificar a matriz econômica local, através de iniciativas que gerem capacitação, emprego e renda para os produtores.

Foto: Emerson Martins/SeprorDe acordo com o secretário da Sepror, Petrucio Magalhães Júnior, a proposta do Governo do Amazonas é formar recursos humanos capazes de promover o desenvolvimento sustentável do estado.

“A vinda dos técnicos a Humaitá e Rondônia faz parte do nosso planejamento de formação de quadros técnicos, capazes de implementar atividades econômicas como a bioeconomia, a piscicultura, agricultura familiar e empresarial”, disse Petrucio.

O intercâmbio faz parte do 6° módulo da capacitação técnica, onde estão sendo realizadas aulas teóricas e práticas, roda de conversas, visita em propriedades de piscicultura, agropecuárias, leiteiras, de grãos (soja, arroz e milho), cooperativas de crédito e em entidades ligadas ao setor primário de Rondônia.

Foto: Emerson Martins/Sepror

Para a socióloga Cira Senna, participante do curso e técnica da Ciama, a experiência do intercâmbio de boas práticas é positiva no sentido de obter a visão dos empresários que investem em atividades produtivas da cadeia animal e vegetal no interior do Amazonas.

Curso – A capacitação terá 152 horas, divididas em 7 módulos de aulas práticas e teóricas, para 35 técnicos do Sistema Sepror (Idam, Adaf e ADS), da capital e do interior, e com aulas inovadoras e modernas dos recursos disponibilizados pela Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa).

A capacitação é realizada em parceria com a Companhia de Desenvolvimento do Estado do Amazonas (Ciama) e o Centro de Educação Tecnológica do Amazonas (Cetam).

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui