Projeto obriga embarcações a ter profissional de saúde na tripulação

Deputado Josué Neto(PSD)/Foto: Danilo Mello

Deputado Josué Neto(PSD)/Foto: Danilo Mello

Projeto de Lei de autoria do deputado Josué Neto (PSD), presidente da Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam), em pauta para tramitação na Casa, torna obrigatória a presença de pelo menos um profissional treinado em primeiros socorros, para oferecer atendimento adequado aos tripulantes e passageiros das embarcações comerciais, que operam nas linhas de transporte fluvial dentro do Estado do Amazonas.

O deputado Josué Neto justifica a necessidade desse tipo de atendimento, tendo em vista os vários problemas de saúde que acontecem durante as viagens e que são atendidos pelos próprios passageiros ou tripulantes, uma vez que não existe a obrigatoriedade de profissionais de saúde nas embarcações.

Atualmente, quando acontece qualquer problema de saúde numa embarcação, em viagem, o comandante precisa chegar até o município mais próximo para prestar socorro. “Pequenos problemas de saúde como enjôos, desmaios e pressão alta, ou até mesmo problemas estomacais, requerem um profissional qualificado para o atendimento, que pode inclusive salvar a vida do paciente durante uma emergência em viagem”, analisa Josué Neto.

Um detalhe importante do Projeto de Lei do deputado Josué Neto é que ele obriga a presença do profissional de saúde em qualquer embarcação que transite no Estado ou pelo Estado, o que amplia o seu alcance na questão da segurança de tripulantes e passageiros para barcos oriundos de outros Estados e dos países fronteiriços.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui